Há um ano a população de Salvador passou a contar com uma arena esportiva que oferta aulas gratuitas de natação e hidroginástica, durante toda a semana, nos turnos matutino e vespertino. Considerada uma das estruturas mais modernas do Brasil, a Arena Aquática Salvador, na Praça Wilson Lins, no bairro da Pituba, faz o primeiro aniversário neste domingo (22). 
Durante essa trajetória, o espaço recebeu cerca de 400 pessoas para realizar a hidroginástica e mais de duas mil já passaram pelas aulas de natação. Nesta segunda-feira (23), serão abertas as inscrições online para atletas que já têm aptidão e desejam integrar a equipe oficial da arena. O equipamento é gerido pela Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal do Trabalho, Esporte e Lazer (Semtel).  

Neste final de semana, o complexo sedia a primeira Copa do Norte-Nordeste de Clubes Mini-Mirim a Sênior de Natação. O evento é uma realização da Confederação Baiana de Desportos Aquáticos (CBDA) e da Federação Baiana de Desportos Aquáticos (FBDA). De acordo com o gerente de Esportes Aquáticos da Semtel, Edvaldo Valério, o equipamento fortalece Salvador no cenário dos esportes aquáticos, além de desempenhar um papel social importante. “A arena é uma ferramenta esportiva que revela talentos e que faz um trabalho de assistência, ofertando gratuitamente esportes a população de Salvador”, frisa.

Segundo ele, neste um ano 80 atletas de alto rendimento já foram identificados e passaram a integrar a equipe oficial da Arena Aquática, representando Salvador em competições dentro e fora da cidade. “Foram esportistas revelados aqui nas nossas piscinas. Nossa ideia é ampliar ainda mais esse grupo, por isso, vamos abrir as inscrições nesta segunda em busca de novos talentos. Quem tem aptidão, pode nos procurar”, salientou. Interessados em fazer parte do grupo devem se inscrever até o dia 3 de janeiro no site arenaaquatica. salvador. ba. gov. br. 

Equipamento de ponta – Com 15 mil m² de área, o espaço abriga a piscina olímpica (50×25 metros), equipamento que foi usado no Estádio Aquático de Esportes Olímpicos, onde foram realizadas as disputas de medalhas da natação na Rio 2016, e uma piscina semiolímpica. A arena conta ainda com uma academia, sala de fisioterapia, sala de atendimento médico, sala para exames antidoping, vestiários para atletas e paratletas, sala de técnicos dentre outras. Atualmente, o espaço tem uma equipe formada por sete professores de educação física com especialização em natação e mais seis estagiários que ofertam todo o suporte para os alunos.

De acordo com Valério, a arena é o primeiro equipamento aquático gerido pela Prefeitura. “Temos feito um trabalho de iniciação importante e ainda dando oportunidades aqueles que já tem aptidão. Nosso trabalho é aperfeiçoar e inserir esses atletas no cenário esportivo. Temos um equipamento de ponta e que deu muito certo”. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here