Um torcedor brasileiro foi retirado do Maracanã durante a final da Copa América, neste domingo (7). Ele é acusado de injúria racial por ter xingado o ex-jogador Carlos Alberto de “macaco marginal”. O homem foi levado por seguranças do Juizado Especial Criminal (Jecrim).

 

Ao final da partida, Carlos Alberto foi ao Jecrim e prestou queixa ao Jecrim contra o torcedor. Ele também reconheceu o autor da injúria racial. De acordo com o site “GloboEsporte.com”, um amigo do acusado disse que o ex-jogador furou a fila de um bar do estádio. Ele também confirmou o xigamento, mas não soube dizer se o homem tinha chamado o ex-jogador de macaco.

 

Aos 34 anos, Carlos Alberto anunciou aposentadoria da carreira de jogador no final do mês de junho. Ele já vestiu a camisa do Bahia, além de ter passado por clubes como Vasco, Fluminense, Corinthians e Porto, de Portugal.

Carlos Alberto defendeu o Bahia em 2011 | Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here