A coordenação de Vigilância Sanitária, de Mata de São João informou que desconhece e investiga a informação de 15 micos mortos desde de setembro em um Condomínio em Costa do Sauípe, litoral Matense. A informação foi publicada em um site da capital baiana, em que segundo relatos, moradores temem que os animais estejam contaminados por febre amarela.

“Todos os micos encontrados mortos no município, notificados pela vigilância sanitária, foram encaminhados para o Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen) em Salvador, posteriormente levados para serem analisados no laboratório no Rio de Janeiro. Nós desconhecemos o aparecimento dos outros macacos mortos”, explica a coordenadora de vigilância sanitária Fátima Grande.

Conforme Fátima, os resultados de exames feitos em primatas encontrados mortos na cidade, ainda não foram divulgados pelo laboratório. “Entramos em contato, novamente com o Lacen em Salvador para saber do resultado, mas ainda não temos um posicionamento sobre o estudo realizados nos macacos encaminhados no ano passado”, frisa.

Fátima Grande ainda alerta a população, que em casos de encontrar animais mortos na região é importante sinalizar a secretaria municipal de saúde para que a remoção seja realizada o mais breve possível.  O contato pode ser feito através dos telefones: (71) 3635-3803 ou 9 9617-7239.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here