Matheus da Silva Gadelha, de 18 anos, e Douglas da Silva Fernandes, 21, suspeitos de atirar no professor da Universidade Federal da Bahia (Ufba), Sérgio Sobreira, de 55 anos, em Fortaleza (Ceará), foram presos no domingo, 14. O crime ocorreu no último dia 6, durante uma festa de pré-carnaval.

Segundo a Secretaria da Segurança Publica e Defesa Social (SSPDS) do Ceará, a dupla foi localizada durante cumprimentos de mandados de prisão temporária e por busca de apreensão na cidade.

Matheus foi encontrado em um imóvel situado na rua Dom Joaquim, na Praia de Iracema. Já Douglas em uma propriedade na localidade conhecida como Comunidade das Graviolas, no centro de Fortaleza.

Ainda conforme o órgão, os dois já respondem por tráfico de drogas e associação para o tráfico, num inquérito policial instaurado em novembro do ano passado

Além de Matheus e Douglas, a Polícia Civil identificou um terceiro envolvido, conhecido como Crislande de Sousa, 18. Ele se encontra foragido e segue procurado pela polícia.

A SSPDS também informou que Douglas nega a participação no crime, mas Matheus confessa envolvimento e diz que puxou um cordão do pescoço de Sergio, mas foi surpreendido pela reação da vítima, que tenhou evitar o roubo. Neste momento, Crislande teria atirado contra o professor. Os suspeitos irão responder por tentativa de latrocínio.

Sérgio Sobreira, de 55 anos, permanece na UTI, mas sem auxílio de respirador (Foto: Reprodução | Facebook)

Recuperaçao

Em postagem no Facebook, a irmã do professor, Vânia Mendes, confirmou no domingo que ele tinha apresentado melhoras. Na publicação, ela diz que Sérgio está lúcido, mas que ainda permanecia na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), porém, sem o auxílio do respirador.

 

A Tarde

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here